Filme: A filha do Pastor

A Paz!
Como vão vocês?

Venho trazer hoje uma indicação de um filme que assisti novamente esses dias, um bom filme que nos trás uma linda lição. Bem possível que já tenham visto, por ser um filme de mais tempo, 2010, vejam a sinopse, o trailer e minha opinião logo abaixo.

Fonte Google Imagens
Sinopse:

 Família, fé e música: Angie King, uma garota vinda de uma cidade pequena, deixa os dois primeiros para trás depois que decide correr atrás de um sonho. O sonho de ser uma cantora de muito sucesso.

LeToya Luckett, que esteve na formação original de Destiny’s Child, faz do seu debute no cinema algo memorável, ao expor seu talento neste inspirador conto recheado de música. Luckett interpreta Angie, filha de um austero, mas adorável bispo. Sua atração pelo astro de um show gospel itinerante (Tank) a coloca na estrada também… E rumo ao romance, à desilusão e à realização de que a felicidade que ela tanto persegue pode estar lá atrás, no lar que ela deixou.


Será que seu severo pai aceitará o retorno da filha pródiga? Se junte a ela nesta poderosa jornada épica.




Fonte: Google Imagens






FICHA TÉCNICA 

Duração: ~ 110 minutos
Ano de lançamento: 2010
Direção: Stan Foster
Elenco: Stan Foster |
Fonte da Sinopse




O que dizer desse filme? Real em muitos lugares e trás pontos a se pensar... 
  Um desses pontos é que, proteção demais pode ser negativo. No filme vemos um pai que muitas vezes protegia a filha de forma demasiada. Pais amam os filhos e querem o bem para eles, é claro. Mas é necessário que haja limites na proibição, como também na liberação. O pai da Angie, viúvo e pastor de uma igreja, cuidava da sua filha, sempre colocando ela nas atividades da igreja, não permitindo que ela saísse ou fizesse etc outras coisas... Contudo, nem tudo que a Angie fazia era para o Pai, nosso Deus, e sim para o seu pai terreno... ai está mais um ponto a se pensar:

O que você tem feito é por homens ou para Deus?

 Outro ponto a pensarmos e analisarmos é que, escolhas trazem consequências, e nem sempre dá tempo de você concertar. Deus é bom e amoroso, mas Ele é justo também. Ele sempre nos dá oportunidades e está sempre a nos mostrar o caminho que leva a Ele, Jesus (Jo 14:6), no entanto, nem sempre estamos atento aquilo que Ele tem falado e mostrado. Temos a liberdade de escolhas, temos o livre arbítrio . Só lembre, use o seu livre arbítrio mas lembre da sua livre consequência.

Fonte: Google Imagens
  Sobre a história amorosa, casal, que o filme trás... é muito triste. Mas depois há uma mudança, o filme mostra que Deus deu ela uma oportunidade de fazer novas escolhas e dentro dessas, ela deveria abrir mão daquilo que prendia e a separava d'Ele. Meninas que estão lendo esse post, não permita que nenhum homem faça com você o que o personagem fez com a Angie. Você tem valor e Deus tem algo lindo para você, ame ao Senhor sobre todas as coisas e confie n'Ele.

  Tem muitas coisas a se falar do filme, mas, se eu continuar vou acabar contando  tudo, assistam e depois comente aqui comigo. E se você está como a Angie esteve em boa parte do filme, comece a mudar e volte para o Pai. Ele lhe aguarda!

Deus abençoe a todos.

P.S.: O Pai aguarda a sua volta!

Share this:

JOIN CONVERSATION

4 comentários:

  1. AAh assisti e amei o filme, acho que é o que acontece hoje bjs
    www.quaseinviisvel.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Day tudo bem?.Eu também já assistir esse filme,é forte.outro filme que me emocionou muito foi A prova de fogo .Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Andreia, tudo bem?
      Eu vou bem graças a Deus *-*
      A prova de fogo é sensacional mesmo viu, a superação que o casal tem é linda! São ótimos filmes. Depois quero trazer uma resenha dele aqui no blog.

      Forte abraço e fica com Deus.

      Excluir